quinta-feira, 14 de setembro de 2006

porto!

um dos dias das férias foi passado no porto!
à parte a dificuldade para finalmente nos localizarmos e dar-mos com as "coisas", tudo o resto fez (e faz sempre) valer a pena voltar ao porto!

adorámos a centenária casa margaridense (onde o pão-de-ló é maravilhoso e a marmelada de morrer!), as pechinchas da loja bom bom (onde comprei uma centena de metros de fitas e galões), a livraria lello (que finalmente fui conhecer), o espaço mudda (um espaço fantástico, onde o atendimento é uma simpatia, os objectos uma perdição e o almoço hiper agradável) e tudo o que nos envolveu, a doçura, a simpatia, a simplicidade de todos com quem conversámos!

acabámos sempre (ou pelo menos eu) a desejar voltar para uma estadia mais prolongada...

8 comentários:

Oficinas Ranha disse...

Ainda bem que passaram uns bons dias fora da rotina diária. E que belas fotos.
Beijinhos da Ana Cristina

Madame Trapo disse...

que lugar mais incrível...adoro visitar lugares históricos...ainda mais com boa comida e pessoas simpáticas e agradáveis...
;)

Elo disse...

O Porto é uma das mais inspiradoras cidades portuguesas que conheço. Queremos sempre voltar porque parte de nós ainda ficou lá.
Ainda bem que gostaram da viagem.

Suspiro de Cor disse...

A nossa invicta é de facto esplendida. Tambem estive pela livraria lello durante as ferias, espantosa não? Eu adorei :)

Beijinho de boa semana.

conspiracaodaagulha disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
conspiracaodaagulha disse...

É lindo, o Porto, não é? Adoro fazer parte desta cidade e estar com ela todos os dias!

Águas Furtadas disse...

hello, então estives-te cá e não me vieste visitar, podias ter dito alguma coisa, gostave de ter estado contigo.
beijinhos
Rute

Kika & Inês disse...

Como??? Vieste até cá e não avisaste??? A Lello é a minha perdição (editora onde trabalhei uns anos!!!) e a Bom Bom é uma pena estar a fechar as portas!!! Esta zona é a minha zona de eleição da baixa do Porto, é conehecida pelo bairro francês, pela estrutura!!!
Já agora, não conheço o espaço Mudda?? Onde é? Ando mesmo perdida nos meus panos e tecidos que perdi a noção do que se passa lá fora???

Beijos,
Kika